Democracia no local de trabalho

Não é de hoje que se fala em democracia no local de trabalho. Nos anos 80 um livro fez muito sucesso no Brasil: “Virando a própria mesa” (que posteriormente seria lançado no resto do mundo como “Maverick: The Success Story Behind the World’s Most Unusual Workplace”). Nele, o autor Ricardo Semler descreve como ele transformou sua empresa familiar, a Semco, em um local de trabalho democrático, onde de fato os empregados são quem comandam a empresa.
Maverick
O livro fez com que o Ricardo Semler fosse mais conhecido fora do próprio país natal. Eu descobri o “Virando a própria mesa” apenas há quatro anos. A capa me pareceu bem familiar, depois descobri porque minha mãe havia lido nos anos 80. O título está repleto de exemplos de como os funcionários comandam a empresa: são eles quem escolhem os próprios chefes; são eles quem definem como os lucros são divididos; são eles quem definem os próprios horários de trabalho; são eles quem definem os valores dos salários. Inclusive decisões estratégicas ficam a cargo dos funcionários, como a mudança para um novo endereço e ou aquisição de uma nova fábrica pelo grupo.

A primeira vista certas coisas podem parecer loucura, mas “Virando a Própria Mesa” é mais atual do que nunca. Principalmente para geração Y, aqueles nascido após 1980. A insatisfação profissional é uma das principais barreira para uma empresa. Hoje, funcionários não querem mais ser um executor de tarefas, ele também quer participar da tomada de decisão. Há também necessidades das empresas responderem rapidamente as constantes mudanças do mercado. Traci Felton, consultor da consultoria WorldBlu, afirma que “um CEO pode tomar decisões mais rápidas do que um grupo, mas a execução as vezes é devagar pois muitas vezes os empregados não concordam com o que tem que ser feito.” Empresa democráticas são devagar na tomada de decisões, mas são velozes em viabilizá-las uma vez que os empregados acreditam no caminho traçado. Semler descobriu isso há mais tempo.

Espero em breve escrever mais sobre o assunto.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s