Método "canvas" para desenhar seu modelo de negócios

Esta semana tive a chance de participar de um treinamento introdutório ao método “canvas”. Há um tempo o livro “Business Model Generation: A Handbook for Visionaries, Game Changers, and Challengers” (Alexander Osterwaldere Yves Pigneur) está no meu “whish list”, mas só agora compreendi melhor o que uma ferramenta tão simples é capaz de fazer.
Diferente do velho e linear documento de MS Word para descrever o plano de negócios, o modelo “canvas” é bem visual, dinâmico e colaborativo. É um modelo coerente com a dinâmica de hoje em dia.
Em resumo, a equipe define 9 características de um negócio e suas relações usando o modelo de negócios “canvas”:
1. Segmentos de clientes (CR – Customer Segments)
2. Proposições de valor (VP – Value Propositions)
3. Canais (Ch – Channels)
4. Relacionamentos com clientes (CR – Customer Relationships)
5. Fluxos de receitas (RS – Revenue Streams)
6. Recursos chaves (KR – Key Resources)
7. Atividades chaves (KA – Key Activities)
8. Parceiros chaves (KP – Key Partnerships)
9. Estrutura de custos (CS – Cost Structure)
 
O treinamento foi uma iniciativa do Felipe (@felipeedlinger) que mandou MUITO bem na forma de no conteúdo. Referências e cases de primeira, visual diferente dos templates coorporativos do dia-a-dia. Uma apresentação para deixar qualquer seguidor do Gary Reynolds de careta.
Para quem quiser conhecer mais, recomendo os dois videos abaixo:

http://ecorner.stanford.edu/swf/player-ec.swf

–  Business Model Canvas Explained;

Janeiro 26, 2012

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s